Quero a Reforma Tributária: por um Brasil competitivo, com mais emprego, crescimento econômico e justiça fiscal

Com a economia brasileira ainda a recuperar-se dos estragos da pandemia da COVID-19, o desemprego permaneceu um desafio iminente. Hoje, mais do que nunca, o Brasil precisa de uma reforma tributária abrangente e justa que reforce o emprego, estimule o desenvolvimento econômico e estabeleça uma justiça fiscal


por Paulo Melo

É inegável que o atual sistema tributário brasileiro é ineficiente e muitas vezes prejudica mais do que ajuda. Sua complexidade e falta de transparência criam desigualdades, promovendo a evasão fiscal e favorecendo quem possui meios para explorar suas brechas. Não é surpresa que a carga tributária brasileira seja uma das mais altas entre as economias emergentes, ao mesmo tempo em que a passagem da cobrança deixa a desejar.

A reforma tributária poderia ser o antídoto para muitos dos problemas fiscais e médicos do país. Ela seria um passo significativo na direção de uma solução econômica sustentável, estimulando a retomada do emprego e garantindo a justiça fiscal.

Em primeiro lugar, simplificar o sistema tributário reduziria os custos e a cobrança para as empresas, principalmente as pequenas e médias, incentivando a criação de empregos. Ao reduzir a complexidade do sistema, diminuiremos os obstáculos para novos investimentos e negócios, facilitando o crescimento econômico.

Além disso, um sistema tributário mais progressivo, no qual os mais ricos pagam uma proporção maior de seus rendimentos em impostos, ajudaria a reduzir a desigualdade econômica. Isto não somente é uma questão de justiça fiscal, mas também um meio de estimular o consumo das famílias de baixa renda, que tendem a gastar uma proporção maior de seus rendimentos, fomentando assim a economia.

A transparência também é essencial. A população brasileira precisa saber exatamente para onde estão indo seus impostos, para poder responsabilizar o governo e assegurar que os recursos sejam utilizados de maneira eficaz e eficiente.

Sei que a necessária reforma tributária não será uma tarefa fácil. Exige coragem política, planejamento de cuidados e compromisso com a justiça social. Mas as recompensas potenciais são imensas. Uma maior igualdade, um crescimento econômico mais robusto e uma economia mais inclusiva estão ao nosso alcance.

Precisamos de uma reforma tributária que seja mais do que apenas uma rearrumação das peças existentes. precisamos de uma reforma que transforme radicalmente o sistema tributário, tornando-o mais simples, mais justo e mais eficiente.

A reforma tributária é uma oportunidade de redefinir o futuro do Brasil. É a oportunidade de criar um país mais próspero, mais justo e mais igualitário. Não podemos deixar passar essa oportunidade. É hora de agir. Vote sim pela Reforma Tributária!

*Paulo Melo é Jornalista, Administrador, Empresário e está presidente do Instituto Nacional de Condomínios e Apoio aos Condôminos - INCC.

Edilayne Martins

"Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida." (Bob Marley)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Bio Caldo - Quit Alimentos