Sistema Fecomércio-DF assume liderança na revitalização da Casa de Chá com o trabalho do Senac-DF

Após uma solicitação do governador do DF, Ibaneis Rocha e do secretário de Turismo, Cristiano Araújo, em uma movimentação estratégica crucial para a revitalização cultural de Brasília, o Sistema Fecomércio-DF, sob a liderança do presidente José Aparecido Costa Freire, determinou ao Senac-DF, dirigido por Vitor Corrêa, a adoção e reformulação da Casa de Chá de Oscar Niemeyer, localizada na icônica Praça dos Três Poderes


Este gesto simboliza um compromisso com a revitalização urbana e o desenvolvimento comunitário, oferecendo aos moradores e visitantes de Brasília um local de encontro enriquecido culturalmente e acessível economicamente.


A decisão de colocar o Senac-DF no comando da operação da Casa de Chá foi motivada pelo reconhecido expertise da instituição em formação profissional e gestão no setor de hospitalidade e serviços. O projeto visa transformar o espaço em um café escola, onde os frequentadores possam desfrutar de um ambiente renovado e moderno, servindo café e lanches de alta qualidade a preços acessíveis.

Esta iniciativa não apenas responde à demanda por espaços públicos mais inclusivos e culturalmente vibrantes, mas também proporciona uma plataforma para a formação prática dos alunos do Senac-DF. Eles terão a oportunidade de aplicar seus conhecimentos em um ambiente real, beneficiando-se de uma experiência educacional integral e diretamente conectada ao mercado de trabalho.

José Aparecido Costa Freire expressou sua visão para o projeto, destacando que "o envolvimento do Senac-DF é fundamental para garantir a qualidade e a sustentabilidade do serviço oferecido na Casa de Chá, refletindo nosso compromisso não só com o crescimento econômico, mas também com a responsabilidade social e cultural." Ele sublinhou a importância de fornecer serviços acessíveis à comunidade, garantindo que todos os setores da população possam desfrutar do espaço revitalizado.


Vitor Corrêa, por sua vez, reforçou a importância do projeto para o desenvolvimento profissional dos alunos e para a comunidade em geral. "Assumir a Casa de Chá representa uma oportunidade excepcional para nossos estudantes, que poderão aprimorar suas habilidades em um ambiente prático e dinâmico, enquanto servimos a comunidade com excelência e acessibilidade," disse Corrêa.


Este projeto de revitalização, endossado e impulsionado pelo Sistema Fecomércio-DF, não é apenas uma renovação física de um espaço histórico, mas também uma renovação da vida comunitária em Brasília, proporcionando um ponto de encontro cultural e educacional que é tanto um símbolo de orgulho como um recurso prático para a cidade.

O projeto, que transforma o espaço numa área de convivência e aprendizado, foi destacado nas palavras do Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, e do Secretário de Turismo do DF, Cristiano Araújo, ressaltando a importância desta iniciativa para a comunidade e o turismo local.

O governador Ibaneis Rocha expressou entusiasmo pelo projeto durante a cerimônia de anúncio. "Este é um grande passo para a revitalização de nossos espaços públicos e para o reforço do nosso turismo. Com a gestão do Senac-DF, garantimos que a Casa de Chá não só será revitalizada, mas se transformará num espaço de inclusão e aprendizado, servindo aos cidadãos de Brasília com serviços de qualidade e acessíveis," afirmou o governador.


Por sua parte, o Secretário de Turismo, Cristiano Araújo, reiterou a importância estratégica do projeto. "A reabertura da Casa de Chá como um café escola administrado pelo Senac-DF é uma valorização de nossa herança cultural. Este espaço permitirá que os visitantes e residentes desfrutem não apenas de um café de qualidade, mas também da rica história que Brasília tem a oferecer. É um passo histórico para fazer de Brasília um destino ainda mais atraente," declarou Araújo.

Fotos: Cristiano Costa.

A decisão de entregar a gestão da Casa de Chá ao Senac-DF, sob direção de Vitor Corrêa, reflete uma estratégia bem planejada do Sistema Fecomércio-DF para integrar a educação profissional no cenário cultural de Brasília. A iniciativa promete não apenas revitalizar um ícone arquitetônico, mas também fomentar um espaço dinâmico de interação social e cultural, crucial para o desenvolvimento urbano e a coesão comunitária na capital.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Bio Caldo - Quit Alimentos