Tendas de atendimento para dengue recebem mais de 1,2 mil pessoas nesta terça (14)

 

Quantitativo de assistências desde a entrega da primeira tenda é maior do que 36,3 mil. Espaços funcionam de segunda a domingo e são semelhantes a hospitais de campanha.

As novas tendas de acolhimento a pacientes com dengue já atenderam mais de 36,3 mil pessoas. São 11 espaços inaugurados no último mês pelo Governo do Distrito Federal (GDF) para facilitar o acesso da população a exames e consultas. Eles funcionam todos os dias da semana e são semelhantes a hospitais de campanha. Em três tendas o atendimento é realizado 24 horas e as demais das 7h às 19h. A primeira foi inaugurada no dia 11 de abril.

As tendas funcionam todos os dias da semana em esquema semelhante ao dos hospitais de campanha, para facilitar o acesso da população a exames e consultas

Somente nesta terça-feira (14), foram registrados 1.278 atendimentos, sendo 827 adultos e 451 crianças. No período, 11 pessoas foram transferidas para outras unidades da rede pública de saúde em razão do agravamento do quadro clínico da doença. Planaltina, Gama e Ceilândia foram os espaços com maior número de assistências.

As tendas funcionam todos os dias da semana em esquema semelhante ao dos hospitais de campanha, para facilitar o acesso da população a exames e consultas. Em três estruturas, o atendimento é ininterrupto, 24 horas por dia; nas demais, é das 7h às 19h.

Além disso, esses espaços estão estrategicamente posicionados próximo a hospitais regulares, unidades de pronto atendimento (UPAs) e unidades básicas de saúde (UBSs), a fim de garantir um atendimento mais rápido aos pacientes sintomáticos da doença e, consequentemente, reduzir a pressão sobre o Sistema Único de Saúde (SUS).

Veja, abaixo, os endereços das tendas de atendimento:

Funcionamento 24 horas
→ Gama – estacionamento do hospital regional local (HRG)
→ Guará – em frente à UBS 1
→ Paranoá – estacionamento do Hospital da Região Leste

Funcionamento das 7h às 19h
→ Plano Piloto – estacionamento do Hospital Regional da Asa Norte (Hran)
→ Vicente Pires – estacionamento da Unidade de Pronto Atendimento (UPA)
→ Varjão – atrás da UBS 1
→ Taguatinga – estacionamento do ambulatório do hospital regional (HRT)
→ Planaltina – na policlínica da região
→ Águas Claras – estacionamento da UBS 1 do Areal
→ Ceilândia – estacionamento do hospital regional local (HRC)
→ Samambaia – estacionamento da UBS 7.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Bio Caldo - Quit Alimentos